>
Conecte-se conosco

Destaque

Você acha que realmente vale a pena vender o seu voto?

Marlon Oliveira

Publicado

em

Poucas pessoas sabem o tamanho da importância do voto consciente. Nosso voto é fundamental para que possamos ter uma vida de qualidade, onde a população possa confiar nos seus representantes e receber tudo aquilo que a cidade precisa.

O problema é que às pessoas, por incrível que pareça, não fazem ideia desta importância e não colocam na balança o peso das consequências. O voto consciente é quando você escolhe o candidato cujas propostas você realmente se identifica. Aquele nome que você tem orgulho de indicar aos seus conhecidos, por se tratar de um candidato ético, competente e com propostas de altíssima qualidade.

Em cidades pequenas como a nossa, com um sistema político que chega a caducidade e sem dar sinais de mudanças e avanço de fato. A politica acaba se resumindo em quem tem mais dinheiro para investir na campanha. E a maior parte da culpa é da própria população, onde é comum as pessoas transformarem seu voto em mercadoria, trocando-o por benefícios individuais e pouco éticos, muitas das vezes até ilegais.

Quem nunca ouviu falar de alguém que trocou o voto por cesta básica, gasolina, materiais de construção… Aqui em Itambé isso é algo comum, uma prática já naturalizada.

As pessoas não param para pensar a longo prazo e se contentam com o prazer imediato. E essas mesmas pessoas, depois reclamam das condições da cidade.

Ao tratar o seu voto como uma mercadoria, você ajuda a eleger alguém que usou de métodos imorais e ilegais para chegar ao poder. Sabendo disso, você acha que esse representante não repetirá esse comportamento depois de está eleito?

Sem falar, que ao colaborar com esse tipo de prática, você ainda abre mão do seu papel de cidadão e permite que um governante corrupto tome decisões que influenciarão sua vida e a de todos os outros cidadãos. E não se engane, ao vender seu voto, você se torna uma pessoa corrupta também.

Muitos eleitores defendem a venda do voto com o argumento de que não ganham nada com a política e para eles tanto faz quem seja o eleito, o que não passa de um argumento medíocre.

Ganhar algum trocado, vender o voto a qualquer preço ou conseguir um emprego “temporário”, o eleitor que toma este tipo de atitude, possibilita a eleição de muitos espertalhões, esquecendo que o prejuízo financeiro, moral, social será bem maior que os “cem reais” ou qualquer “mimo” que venha a receber do político.

E os problemas são diversos, não fica achando que você é esperto porque ganhou algo pelo seu voto. Seus filhos acabarão em péssimas escolas, a violência crescente, crescimento do tráfico de drogas, prostituição de jovens e até adolescentes, e seu salário cada vez mais arrochado, sem falar nos desempregados, onde muitos estão passando por necessidades.

Muita coisa deve mudar para melhor, mas se não mudarmos as nossas atitudes de cidadãos, as coisas serão cada vez piores em nossa cidade. Qual é a sua opinião sobre o assunto? Deixa aqui nos comentários o seu ponto de vista!

--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Mais Lidas