Conecte-se conosco

Polícia

Homem é preso por ameaçar dupla Simone e Simaria nas redes sociais

Marlon Oliveira

Publicado

em

Um homem suspeito de ameaçar a dupla Simone & Simaria nas redes sociais foi preso nesta segunda-feira (11) em Novo Hamburgo, Região Metropolitana de Porto Alegre. Ele tinha um mandado de prisão preventiva expedido pelo Juizado Especial Criminal de Santana de Parnaíba, na Grande São Paulo, pelos crimes de ameaça e injúria.

O processo corre em segredo de Justiça.

A assessoria de imprensa da dupla informou que após “graves ataques sofridos pelas artistas em suas respectivas redes sociais” e para preservar a “integridade física das cantoras e seus familiares, levou a questão ao conhecimento das autoridades públicas para os devidos fins e providências”.

De acordo com o delegado Alexandre Ferreira Quintão, da 3ª Delegacia de Polícia de Novo Hamburgo, ele foi encontrado em casa, no bairro Boa Saúde, onde morava com a esposa e dois filhos. Há cerca de dois anos, segundo Quintão, ele começou a ameaçar a dupla nas redes sociais.

“Ele diz que a família delas seria responsável por ele quase ter morrido, em Campo Grande, em 1996, mas não explica o motivo. Diz que sofreu um atentado a tiros e foi preso no interior do Mato Grosso do Sul, saiu de lá e voltou ao Rio Grande do Sul. Como disse que conhecia elas, resolveu agora ameaçar pedindo que o ajudassem”, conta o delegado. Nenhuma informação, porém, foi confirmada pela polícia.

A urgência no cumprimento do mandado se acentuou nesta semana porque, em uma postagem, o homem citava o show de Simone e Simaria no Estádio Beira Rio, em Porto Alegre, no dia 14 de dezembro.

“Estão esperando terminar aquilo que a família delas começou lá no Mato Grosso do Sul. Isso mostra o quanto são covardes”, escreveu, em um post no Instagram. No seguinte, publicou uma foto das irmãs. Conforme o delegado, o suspeito é usuário de drogas há duas décadas e tem diversos antecedentes criminais por pequenos delitos.

Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Mais Lidas